Segunda-feira, 10 de Outubro de 2011

Assunto, decisão controversa.

Emigrar nunca foi, e continua a não ser, uma situação que desejasse. Por coisas da vida o meu pai, há 5 anos, teve de o fazer. Não foi, nem é fácil, mas habituámo-nos.

Hoje, o R. quer também fazê-lo, comigo. Eu não!

É verdade que não tenho o emprego que desejava e muito menos o ordenado que queria, mas sair daqui nunca me passou pela cabeça.

Gosto de ir passear, de ir gozar férias, e voltar à minha casa. Na verdade, apesar de adorar viajar, sempre que vou de férias, por mais de uma semana, começo a ficar ora com suores frios ora com calores...

 

Não sei que pensar. Compreendo a ideia dele, a vontade de evoluir profissionalmente, de conhecer novas culturas, de tentar uma vida melhor.

 

Sei, apenas, que isto está a ficar complicado. Que, após 5 anos de relação, estas diferenças começam a acentuar-se.



publicado por woman às 20:53
mais sobre mim
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

24
25
27
28
29

30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO